No caso de faltar à formação para prestar assistência a um filho ou outro dependente a meu cargo, que esteja em isolamento profilático/quarentena ou infetado por COVID-19, as ausências contam para o limite de faltas justificadas previsto?

Sim. Só não são contabilizadas, para o limite de faltas justificadas previsto na formação, as situações em que seja o próprio formando a cumprir isolamento profilático/quarentena ou esteja infetado com COVID-19.

Para justificar as faltas para assistência a familiares ou dependentes a cargo, deve fazer chegar ao serviço de formação profissional respetivo, o comprovativo da situação do dependente a cargo, emitido por entidade idónea para o efeito.

Atualização mais recente:
2021-01-27 19:25
Revisão:
1.0
Selecione de 1 a 5 pontos:
Avaliação média: 0 (0 Avaliações)
Não pode comentar este artigo
Chuck Norris has counted to infinity. Twice.